Bolsonaro é multado por causar aglomeração e não usar máscara no Maranhão

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   

Bolsonaro é multado por causar aglomeração e não usar máscara no Maranhão

O governo Flávio Dino (PC do B) autuou Jair Bolsonaro (sem partido) por infração sanitária, nesta sexta (21), ao descumprir decretos estaduais que obrigam qualquer cidadão a usar máscara, manter o distanciamento social e não promover aglomeração como medidas sanitárias contra a covid-19.

O presidente da República provocou aglomeração em Açailândia, município a 560 quilômetros da capital São Luís. De acordo com a assessoria do governo do Maranhão, o valor pode variar entre R$ 2 mil e R$ 1,5 milhão.

Ele tem 15 dias para apresentar sua defesa e, a partir daí, a Vigilância Sanitária, responsável pelo auto de infração, definirá o valor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: