Deputado Dalben solicita novas medidas aos governos estadual e federal para enfrentamento ao novo coronavírus

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   

O deputado estadual Dirceu Dalben (PL) encaminhou ofícios aos governos estadual e federal, solicitando a adoção de novas medidas para o enfrentamento ao coronavírus. O objetivo do parlamentar é garantir que a população seja assistida da melhor maneira possível durante este período de pandemia.

Ao Governo do Estado de SP, o deputado informou sobre a disponibilidade do antigo hospital Madre Theodora, em Sumaré, que está desativado. Tratava-se de um hospital particular, instalado em uma área de 16 mil metros quadrados e com 160 leitos. “Junto do prefeito de Sumaré, Luiz Dalben, já entramos em contato com os proprietários do imóvel para tratar da possível utilização do espaço em caso de necessidade, para tratamento de pacientes do coronavírus. A sinalização foi bastante positiva, a classe empresarial tem sido bastante solidária neste momento e nossa intenção é que o Governo do Estado possa equipar esses leitos, ampliando a capacidade do sistema de saúde na Região Metropolitana de Campinas”, explicou o deputado.

Além disso, Dalben também sugeriu ao governador João Doria a isenção de pedágio a caminhoneiros, a fim de tornar as viagens mais rápidas e assegurar o abastecimento à população; e ainda a liberação da vacina contra a gripe para trabalhadores do setor de transporte e logística, que não terão suas atividades interrompidas neste período de quarentena.

             Já para o Governo Federal, Dalben encaminhou ofício solicitando a adoção de algumas medidas para auxiliar os Municípios brasileiros no enfrentamento à Covid-19. Entre elas, estão a suspensão dos efeitos da Lei de Responsabilidade Fiscal no que se refere aos gastos com servidores públicos, por exemplo, e a suspensão de pagamento das obrigações entre os Municípios e a União, para que os recursos possam ser utilizados diretamente em benefício da população.

“Sabemos que os recursos das prefeituras são limitados e, por isso, a suspensão de algumas obrigações legais neste momento de pandemia e calamidade pública é de extrema importância para que a população possa ser atendida da melhor maneira possível, para que possamos salvar vidas e proteger as pessoas”, enfatizou o deputado.

Os ofícios foram todos protocolados por meios digitais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: