No Dia Mundial de Saúde, Prefeitura de Sumaré aponta ações realizadas

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
No Dia Mundial de Saúde, Prefeitura de Sumaré aponta ações realizadas

Em meio à pandemia, nessa terça-feira, 7 de abril, é celebrado o Dia Mundial da Saúde.  A data foi instituída pela OMS (Organização Mundial da Saúde) com o objetivo de promover a conscientização das pessoas sobre a importância do equilíbrio entre o bem-estar físico, mental e social.

Mas esse ano, no mundo todo, esse dia está sendo especialmente lembrado pela luta contra o tempo para combater a disseminação do novo coronavírus.

Em Sumaré não é diferente: todos os esforços estão concentrados em ações de enfrentamento à Covid-19. Tanto que, mesmo antes de o primeiro caso ser confirmado no Brasil, a Prefeitura já estudava um plano de contingência para prevenção da doença, aprovado em 4 de fevereiro, quando foram decididos protocolos, entre eles, o treinamento das equipes da Secretaria de Saúde e medidas de prevenção voltadas aos moradores.

Decretos do prefeito Luiz Dalben foram publicados e regulamentaram o “regime de quarentena” na cidade, seguindo as recomendações da OMS para conter o avanço da Covid-19. As aulas estão suspensas desde 23 de março, mas os alunos continuam sendo assistidos pela Secretaria Municipal de Educação, que disponibiliza conteúdo pedagógico por meio de aplicativo.

Para as famílias das crianças, principalmente àquelas em situação de vulnerabilidade social, a Prefeitura faz a entrega de kits nutricionais, garantindo a alimentação adequada dos alunos que precisam da merenda escolar como complemento da alimentação.

Higienização do transporte coletivo, desinfecção de áreas comuns em todas as regiões com a pulverização de hipoclorito de sódio, utilização de drones para monitoramento da cidade, atendimento intensificado a pessoas em situação de rua, campanha virtual para arrecadação de alimentos promovida pelo Funssol (Fundo Social de Solidariedade).

Também a capacitação dos colaboradores da Saúde municipal e criação de novas alas de atendimento a pacientes nas UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) no Jardim Macarenko e Matão, essas são algumas das medidas adotas pelo Município.

A transparência de todo esse trabalho também é uma preocupação do atual Governo. Por meio da criação do Comitê de Prevenção e Enfrentamento do Coronavírus, boletins diários são disponibilizados no site da Prefeitura (www.sumare.sp.gov.br).

Um canal de whatsapp com três números foi implantado para atendimento à população (9.8443-0412 / 9.9303-9646 / 9.9299-9493).

Mas não podemos deixar de lembrar que toda a organização do trabalho realizado hoje em Sumaré para o gerenciamento da crise mundial em Saúde é possível graças a um plano de reestruturação do Município, colocado em prática pela atual gestão desde 2017 e no qual a Saúde sempre mereceu destaque.

“Logo que assumimos a atual gestão, em 2017, encontramos um grande desafio, que precisava de respostas rápidas! Os colaboradores estavam com pagamentos atrasados, médicos em greve e o Sistema de Saúde Municipal em crise.

Com planejamento, comprometimento, valorização dos colaboradores, investimentos em humanização do atendimento a pacientes, foi assim que conseguimos superar as necessidades e elevar a área da Saúde na cidade. Agora estamos vivendo outra crise, que é o enfrentamento ao coronavírus. Como sempre foi, com muito trabalho e fé em Deus, vamos vencer mais essa batalha!”

Investimentos

O pacote de investimentos já realizados na melhoria da Saúde Pública Municipal pelo Governo Luiz Dalben inclui novas ambulâncias e veículos para a Atenção Básica, readequações nos prédios e a aquisição de equipamentos importantes (ecocardiograma, ultrassom, cadeiras de roda).

Novas unidades de saúde foram entregues nos últimos três anos: Florely, Veccon e Bordon, Ypiranga, CIS Nova Veneza, CAPS AD Bordon, além da UPA no Matão, que atende de 11 a 12 mil pacientes por mês.

Também foram inauguradas as salas de Ultrassonografia e ‘Do Bem’ na UPA Macarenko, que oferta acolhimento e atendimento multidisciplinar a vítimas de violência física, psicológica e sexual;

Duas unidades do Centro da Criança, em parceria com as faculdades PUC-Campinas e São Leopoldo Mandic; e a Base de Excelência da Mulher (BEM), idealizada pelo Fundo Social de Solidariedade, conta com parceria da São Leopoldo Mandic, oferecendo atendimento médico e ambulatorial exclusivo para as mulheres.

O Município também recebeu 12 novas câmaras frias para a conservação e armazenamento seguro das vacinas. Hoje, todas as 22 salas de vacina da cidade contam com as câmaras frias, desenvolvidas para o controle preciso de temperatura, evitando perdas de doses e outros contratempos.

Já no Ambulatório de Especialidades, a Prefeitura promoveu a ampliação das instalações, aumentando a capacidade de atendimento.

Outro investimento foi realizado com foco na proteção dos animais. Em 2019 a Prefeitura implantou o Departamento Municipal de Proteção e Bem-Estar Animal. O DEMBEAS atua na prevenção de maus-tratos, abandono, e presta atendimento a animais vítimas desses casos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: